Faculdade de Ilhéus promove debate entre os Candidatos a Prefeito 2020


Por iniciativa da Faculdade de Ilhéus, foi realizado o Momento Político, evento junto os candidatos a prefeito do município nas eleições de 2020, com o objetivo de oferecer aos postulantes ao cargo a oportunidade para expor suas propostas de governo à comunidade. Realizado no auditório Profa. Adélia Melo.

Com as restrições sociais impostas pela pandemia, a campanha eleitoral deste ano possui características atípicas. Desta forma, o Momento Político promovido pela faculdade vai se configurando até agora, como única apresentação conjunta e democrática dos candidatos a prefeito de Ilhéus para exposição de suas propostas e o debate de ideias.

O Momento Político, realizado em todos os anos de eleição, é coordenado pelo curso de Direito, mas conta com o envolvimento dos colegiados dos demais cursos de graduação ofertados na faculdade. As perguntas direcionadas aos candidatos foram elaboradas com a participação de estudantes, professores e funcionários da instituição.

Abordados temas referentes às principais áreas de atuação da gestão municipal, a exemplo de turismo e cultura, emprego e renda, meio ambiente, esporte e lazer, infraestrutura, saúde, assistência social e educação. O diretor da Faculdade de Ilhéus, Almir Milanesi, acredita que o esforço feito para realização do evento possa contribuir para o esclarecimento dos eleitores, aprimoramento da democracia e valorização da cidadania.

Leia  5 Lugares imperdíveis para visitar em Ilhéus Bahia

O prefeito de Ilhéus, Marão (PSD), lidera a corrida eleitoral pelo comando do Executivo na cidade, com 34% das intenções de voto, aponta levantamento A Tarde/Potencial Pesquisa. Em seguida na preferência do eleitorado estão Valderico Junior (DEM) e Cacá (PP), ambos com 13%. Na sequência, aparecem Professor Reinaldo do Ibec (PTB) e Cosme Araújo (PDT), com 5% e 3%, respectivamente. Bernadete Souza (PSOL), João Barros (PRTB) e Roberto Barbosa (Solidariedade) têm 1%, cada. Ainda conforme a pesquisa, os indecisos são 22% e a soma dos brancos e nulos é 7%. O levantamento foi realizado entre os dias 30 de outubro e 2 de novembro, com 600 entrevistas presenciais, das quais 500 na sede do município e 100 nos distritos.